As Origens da freguesia do Beato

Segue-se uma pequena resenha da história da freguesia do Beato, onde está integrada esta Instituiução.

 

A freguesia da zona ribeirinha do Beato é constituída por vários lugares que vão desde a Alameda do Beato até à encosta da Picheleira, passando por Xabregas e pelo Vale de Chelas – lugares cheios de História e de estórias...

Da toponímia mais antiga destacam-se as Azinhagas da Bruxa, do Carrascal e dos Embrechados.

A existência de variados Pátios e Vilas dá a esta freguesia uma característica muito particular e especial. Alguma toponímia está ligada a antigas quintas, palácios e conventos consoante as várias épocas históricas.

Relativamente a Xabregas, a sua toponímia não tem uma explicação muito segura: nos  documentos medievais, aparecem variadas formas: Exevregas, Exabregas, Eyxebregas, Enxobregas. Pode-se afirmar que devido à sua localização junto ao rio Tejo, há quem relacione o nome com Xavega (do árabe Xabaka), rede de arrasto. O nome de Xabregas também pode ser associado à existência de uma povoação romana chamada Axabrica e achados romanos ( marco miliário, lápide, sarcófago…)